Receita para assistir o Jornal Hoje

Recentemente assistindo o jornal hoje, vendo as matérias que se seguiam me ocorreram alguns pensamentos e questionamentos. Porque as matérias parecem tão iguais sempre? Existe uma lógica por trás de algumas pautas. Estas insistem em reaparecer, nem sempre da mesma forma. Desde as mais simples, aquelas mais industrializadas, e mais digeríveis, até as mais complexas e que trazem mais audiência para a emissora.

O problema que identifiquei de cara é que estas matérias tendem a criar certas distorções. Porque induzem a uma necessária homogeneização do pensamento, e da percepção sobre os fatos. Este fato tende a esconder o ponto de vista que se esconde atrás da orientação destas matérias. Desta forma aquilo que na verdade é um problema particular de uma cidade, ou de algumas cidades, assumem a forma de problemas de um país.

O jornal hoje, por exemplo, apresenta geralmente uma matéria sobre economia doméstica. Esta última semana ela apresentou onde usa como argumento central que a inflação tem uma incidência diferente para cada família. Justamente por isso a inflação poderia ser diferente para cada família, dependendo dos tipos de gastos que cada um possui. A família em questão da matéria possui um gasto elevado em educação, a matéria diz que a maioria das famílias não possuem gasto tão altos, mesmo assim continua o argumento de que a inflação pode ser sentida de formas diferentes. Omite a informação de que quanto mais diferente a pauta de gastos de uma família mais ela tende a sentir a inflação. O mais óbvio é que a classe média sente mais a inflação que as classes C, D, e E.

Contudo, é como assistir a novela na Globo. Qualquer um pode assistir uma vê por semana o Jornal e saber tudo o que o jornal irá dizer durante aquele período. E ao mesmo tempo não saber nada sobre o que é realmente importante saber sobre este período.

O fato bonde, aquele que não desagrada ninguém, principalmente ao governador José Serra, é noticiado com todos os sorrisos possíveis pelos apresentadores. Quando falam de vestibular, falam apenas da FUVEST, como se esse fosse o único do país. Não há qualquer menção as dez novas federais e as oportunidades novas de acesso as vagas das universidades federais com o programa REUNI. O Estado de São Paulo inexiste nas noticias ruins, todas provem do âmbito federal. Todas as noticias boas vem de São Paulo.

Hoje mesmo quando foi noticiado os deslizamentos o foco era o Rio de Janeiro a matéria omite os problemas em São Paulo. Alguém discutiu a responsabilidade do Estado de São Paulo sobre a ocupação de áreas de ribanceira? Não. Apenas apareceram os sorrisos sobre matérias de moda, nutrição, etc. o Jornal Hoje é um ambiente esterilizado, cuidadosamente arquitetado para banalizar a política e discussão sobre os problemas sociais brasileiros.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s