As vezes está em um canto….onde estão as chaves de fenda

Às vezes em um sopro que cheira vento, um lugar que passa

Uma luz que não acende, um pedaço de ripa que insiste em não sair do lugar

Cada um lembra que um dia foram sorrisos fáceis que seguiam-se à brincadeiras 

A bola lembra o chute 

A fenda lembra o abraço 

O lugar lembra da alegria dos cachorros 

A Madeira lembra do gosto da força 

Todos lembram 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s